24 de jul de 2014


A 22ª edição do Festival Anima Mundi, o maior festival de animação das Américas, começa nesta sexta-feira, dia 25 de julho, e vai até o dia 3 de agosto, no Rio de Janeiro. A edição deste ano promove a exibição de 418 filmes, de 47 países diferentes, entre curtas e longas-metragens. O Brasil, com o maior número de produções em exibição, será representado por 109 obras e seis coproduções.

Na capital carioca, as mostras acontecem em quatro locais diferentes: no Centro Cultural Light, na Fundição Progresso, no Espaço Itaú de Cinema Botafogo, e no Oi Futuro Ipanema. Algumas sessões são gratuitas e outras têm ingressos no valor de R$ 10, com meia-entrada a R$ 5.

 Sobre as mostras 

Entre os destaques da programação estão os longas premiados “O menino e o mundo”, de Alê Abreu, “Até que a Sbórnia nos separe”, de Otto Guerra e Ennio Torresan Jr., e “Minhocas”, de Paolo Conti e Arthur Nunes. As produções foram separadas em cinco mostras competitivas: Panorama, Portifólio, Curtas, Longas e Galerias; e cinco não competitivas: Futuro Animador, Olho Neles, Panorama Internacional, Animação em Curso e Longa-metragem Panorama. Confira a programação completa aqui.

Os vencedores das mostras competitivas são eleitos por um júri oficial e pelo público espectador do festival. Os prêmios são distribuídos na sessão de encerramento do evento, com a exibição dos vencedores. 

Atividades paralelas 

Além das mostras, o evento promove ainda atividades paralelas como o Anima Fórum, que promove debates e aulas-magnas; o Anima Business, a área de negócios do festival; e o Animação e Games, com apresentação de curtas que interagem com a plataforma de games. Já uma tradição do evento, o Anima Mundi oferece novamente um estúdio aberto, onde o público poderá experimentar diversas técnicas de animação, com a ajuda de monitores e tutores no local. Saiba mais aqui.

E mais 

O festival ainda conta com a presença de convidados para o Papo Animado, como os diretores Eric Goldberg, Bob Balser e Fréderic Guillaume, e também promove uma série de exposições, com destaque para a dedicada ao filme “O menino e o Mundo”, de Alê Abreu, eleito melhor filme pelo público e pelo júri do Festival de Annecy 2014.

Após a passagem pelo Rio, o festival segue para São Paulo, onde acontece entre os dias 06 e 10 de agosto, e a partir de setembro pode ser visto em diversas cidades do país, com o Circuito Anima Mundi.

 Para mais informações sobre o 22º Anima Mundi, acesse o site oficial.

FONTE: ANCINE